segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

"Solidão não é a falta de gente para conversar, namorar, passear ou fazer sexo...
Isto é carência!
Solidão não é o sentimento que experimentamos pela ausência de entes queridos que não podem mais voltar...
Isto é saudade!
Solidão não é o retiro voluntário que a gente se impõe, às vezes, para realinhar os pensamentos...
Isto é equilíbrio!
Solidão não é o claustro involuntário que o destino nos impõe compulsoriamente para que revejamos a nossa vida...
Isto é um princípio da natureza!
Solidão não é um vazio de gente ao nosso lado...
Isto é circunstância!
Solidão é muito mais do que isto!
Solidão é quando nos perdemos de nós mesmos e procuramos em vão pela nossa alma!"

(Francisco Buarque de Holanda)

2 comentários:

Marliborges disse...

Markélen, Parabéns pela escolha do texto. Passei por aqui e amei o seu blog. Já sou sua seguidora (rsrsrsrs), e estarei sempre por aqui.

Markélen disse...

Oi Marli! Que bom que gostou das minhas "coisinhas". Seja bem vinda e sinta-se a vontade para ler e comentar.

Um grande abraço!